Fazer uma reforma de casa antiga é o melhor caminho para quem quer aprimorar o lar e fazer reparos que vão trazer mais qualidade de vida. Só que, como você sabe, fazer uma reforma pode dar muito mais trabalho do que se você fizesse uma casa nova, do zero, em um terreno para construir.

Por que? Porque a reforma exige vários níveis de organização, otimização e execução. Afinal, já há uma estrutura feita e esta estrutura precisa, portanto, receber os cuidados básicos para não ser comprometida.

E por onde você pode começar? O que fazer primeiro? Quais são os principais critérios de reforma que você deve colocar em prática? É o que vamos entender no artigo de hoje. Portanto, continue lendo e saiba mais sobre reforma de casa antiga.

Dicas de reforma de casa antiga – Veja como fazer, materiais e ideias

Fazer uma reforma de casa antiga pode dar trabalho. E na verdade, vai. Só que se você se organizar e seguir um método que seja realmente viável e produtivo, tudo vai dar certo. Ou seja, você não pode começar a fazer dezenas de coisas ao mesmo tempo. Você precisa ter um critério lógico para a reforma.

Por exemplo, se você vai reformar o reboco, não pode fazer a pintura antes. Isto parece óbvio, mas é apenas para ilustrar a forma que você deve raciocinar a respeito do cronograma da obra.

Só que o que você pode fazer para criar um ambiente novo e original, sem ter que demolir a casa inteira e construir uma nova do zero? Separamos 5 dicas bem legais que farão a sua casa antiga ficar nova outra vez.

Veja:

  • Corrija infiltrações
  • Pinte as paredes
  • Troque o piso do chão
  • Troque o telhado
  • Troque os móveis

Falaremos sobre cada um dos itens acima a partir de agora. Portanto, continue lendo, se aprofunde e saiba tudo sobre o assunto.

Reforma de casa antiga corrigindo infiltrações no reboco

O primeiro passo que você precisa dar em direção a uma reforma sustentável e viável, é a correção das infiltrações das paredes. Infelizmente, se houver infiltrações na estrutura do reboco da sua casa, você precisará removê-la e entender de onde a infiltração está vindo – para somente então, fazer a reforma.

De nada vai adiantar tirar o reboco antigo – com infiltração – e simplesmente fazer um reboco novo. Pois o problema não está no reboco. Está nos canais de infiltração que permitem a entrada de água.

Muitas vezes as infiltrações são reflexos de um acabamento mau feito ou de alguma abertura que tenha sido deixada para trás. Neste caso, é importantíssimo fazer esta localização para somente então fazer o reboco novamente.

Em locais onde não há infiltração ou que não há um apodrecimento do reboco, você não precisa se preocupar em refazer. Isto vai poupar seu tempo e, claro, seus recursos. Portanto, com um martelinho ou mesmo com a ponta dos dedos, vá encostando no reboco: onde estiver oco, refaça. Onde estiver sólido, está tudo certo.

Reforma de casa antiga apenas com pintura de parede

Outra dica bem legal para reforma de casa antiga, é fazer uma simples pintura. Sim, simples assim! Muitas vezes a sua casa poderá ganhar uma sobrevida pelo simples fato de repintá-la, de forma que a própria coloração dê à estrutura uma vida nova e uma cara renovada.

No entanto, a pintura somente poderá ser feita se você tiver passado pelo passo um deste artigo – que é a verificação do reboco. Se o reboco precisar de reparos, não hesite em fazê-los, pois de nada vai adiantar pintar, visto que em pouco tempo o reboco poderá apresentar falhas.

Se você não achar viável apenas a pintura, pode partir para as demais alternativas de reforma de casa antiga – que são mais complexas, mas que certamente vão deixar a sua casa como nova. Continue lendo.

Reforma de casa antiga trocando o piso do chão

Outro ponto bastante interessante e importante sobre a reforma de casa antiga, é a troca do piso do chão. Esta é uma etapa bem delicada e que precisa de bastante mão de obra – principalmente se já houver um piso instalado no local.

Aqui, você tem duas opções: fazer a aplicação de um novo piso em cima do piso antigo ou remover o piso antigo para somente então colocar o novo. Ambas opções são válidas. No entanto, caso você opte por colocar o novo piso em cima do piso antigo, verifique se a estrutura não está oca ou danificada.

Outra opção bem legal para renovar o piso da casa, é instalar um piso vinílico em manta. Este tipo de revestimento é elegante, muito fácil de aplicar e barato – criando ambientes verdadeiramente elegantes e charmosos.

Reforma de casa antiga trocando o telhado

Trocar o telhado da casa é uma etapa bastante complexa e demorada – porém, importantíssima. Inclusive, recomendamos que você comece por esta etapa para assegurar que as próximas etapas da obra sejam feitas de forma mais segura e adequada.

Se você acha que o telhado da sua casa não está bom ou se as madeiras já estiverem corroídas por cupins, faça a reforma. Opte por telhas mais leves e mais rígidas, que podem suportar um tempo maior expostas ao clima.

No entanto, se você não quiser trocar as telhas, poderá simplesmente separar aquelas que estiverem mais sólidas e resistentes, lavá-las e aproveitá-las. Assim, você compra somente a quantidade que faltar. É uma dica para economizar!

Reforma de casa antiga trocando móveis

E por fim, quando a sua casa já estiver totalmente reformada e pronta para uma nova fase da sua vida, é bem legal, também, trocar os móveis. Você pode optar por móveis sob-medida, que são mais caros mas mais elegantes, ou móveis mais simples, que são mais baratos e ajudam a renovar tudo. O importante é encontrar um meio termo entre a reforma e a nova decoração – para que você possa sentir uma boa sensação de casa nova.

Aproveite as nossas dicas de reforma de casa antiga e, se você tiver mais alguma sugestão, deixe nos comentários.